MP Eleitoral contesta 680 pedidos de candidaturas até agora

Últimas Notícias



Categorias


MP Eleitoral contesta 680 pedidos de candidaturas até agora

Justiça vai decidir sobre a continuidade ou não das candidaturas

Política
02 de setembro de 2016 às 09:00:59 - Atualizado em 02 de setembro de 2016 às 09:01:10 274 visualizações

O Ministério Público Eleitoral divulgou nesta quinta-feira o primeiro balanço de impugnação de candidatos a prefeito e a vereador no Rio Grande do Sul. A medida é uma tentativa de promotores de impedir o registro de políticos com pendências. Ao todo, 680 pedidos de candidaturas foram impugnados pelos promotores - 632 contra postulantes a vaga de vereador e 48 contra prefeito e/ou vice. 

Do total, 38 pedidos de impugnação foram motivados por condenações criminais dos candidatos, 11 por condenações por improbidade administrativa, 24 por rejeição de contas e quatro por condenações eleitorais. Outros 604 foram impugnados por outros motivos, como a desincompatibilização de cargo ou função, ausência de quitação eleitoral, domicílio eleitoral e filiação partidária.

A Justiça analisará os argumentos do MP e decidirá sobre a continuidade ou não da candidatura do político. O Ministério Público Eleitoral não divulgou a lista dos candidatos impugnados.